terça-feira, julho 17, 2007

É muito pra minha cabeça.

Antes de começar esse post, uma pequena explicação sobre um dos mecanismos menos sujos que nós, publiciotários, utilizamos para empurrar algo pra você: o sampling.

Fazer sampling é uma forma bonita e em inglês de "distribuir amostra grátis". Sabe quando você sai do cinema e tem aquele monte de gostosa distribuindo pasta de dente, barrinha de cereal, bombom, etc? É, aquele que você finge não estar interessado mas quase abre os braços e passa por cima da garota pra ela te dar um? Ainda faz aquela cara de surpresa do tipo "nossa você aqui?". Que te deixa puto quando a amostra é de produto só pra mulher e elas dão só pra sua namorada? Então, todo mundo já atropelou alguém por umas dessas.

Estava eu entrando no Shopping Morumbi a bordo do meu Gasta Móvel, com a missão de comprar junto com minha melhor amiga um maravilhoso, incrível e sensacional já descrito nesse blog George Foreman Grill para dar de presente a um amigo em comum.

Como de praxe, parei na cancela. De longe já havia avistado não uma gostosa, mas um marmanjo distribuindo algo para os que retiravam o ticket. De cara pensei que fosse prospecto de apartamento de 11 dormitórios, 36 vagas de garagem, amplo espaço de lazer, bem localizado no coração nobre do Morumbi. Já me deixou puto porque quando o cara te dá esse maledeto papel na cancela do shopping, não dá pra falar não. Junto com o folder do apartamento ele te entrega o cartão do estacionamento.

Mas qual a minha surpresa quando, das mãos daquele sujeito, eu recebo uma amostra grátis. Sim amigos, uma amostra grátis. E logo do que?

Algum palpite?

Alguém tem alguma idéia?

Heim, heim, heim?

Não quer arriscar?

Sim. Eu ganhei um sampling de shampoo.

Pois é, ele olhou pra aquele careca que tava dirigindo e, como provavelmente é um leitor assíduo do Vida Perra, pensou assim "Cara, ele é careca mas isso não quer dizer nada. Ele usa shampoo".

Além de lisonjeado, me senti quase cabeludo.

E olha que era sábado e, aos sábados, eu raspo a cabeça. Ou seja: eu tava careca pra cacate.

E que amostrinha caprichada aquela viu? Neguinho não economizou, vieram nada mais nada menos do que 3 sachês de shampoo para homem.

Se tratava de um shampoo 6 em 1.

Ele Remove a caspa que eu não tenho, previne a coceira causada pela caspa que eu não tenho, reduz a queda daquilo que já se jogou do alto da minha cabeça faz tempo, diminui o ressecamento que eu nunca tive, nutre o couro cabeludo que é tudo o que me restou além de limpar e refrescar.

Resumindo, o shampoo é 2x1 pra mim. Ele deixa tudo limpinho e com uma sensação refrescante. Como se não ter cabelo já não fosse motivo suficiente de refrescância...

Na minha avaliação de consumidor pôcatelha não tem nenhuma vantagem extra nesse produto. Mas uma coisa me deixou muito feliz: cada sachê de 10ml dura 5 dias! É, eu tenho 15 dias de shampoo grátis.

Vai dizer que não deu uma inveja agora?

Não dá pra negar: o lance mesmo nessa vida é ser careca. Eu recomendo.

24 Comments:

Blogger Fabi said...

Pra tudo na vida, existe um lado positivo.
bjk

6:34 AM

 
Blogger Aline said...

Conheço muitos carecas que não prescindem de shampoo para cuidar do couro cabeludo. Old habits die hard, eu acho.

Bjs.

6:52 AM

 
Blogger mc said...

Rânei,
não sei o que achei mais legal: se o título, o fato de você estar indo comprar um George (e eu tenho uma participação nisso), suas tiradas ou o fato de você ser um careca feliz e assumido que usa shampoo. Mas ficar tão feliz assim com 15 dias de shampoo grátis não pega bem, viu...

10:14 AM

 
Blogger MH said...

Beibe, que tudo! Eu sou trash, adoro um brinde, uma amostra grátis... Se for de um produto bonzinho e em doses generosas, melhor ainda.

É por isso que "vocês" fazem isso, né? Deve funcionar mesmo!

E o tal shampoo é cheiroso? (sim, isso é muito importante!)

10:26 AM

 
Blogger Nana said...

Quando te entregam papel na cancela do shopping não tem como dizer não? Como assim? Eu digo: - Não quero esse papel, obrigada".

1:12 PM

 
Blogger urbenauta said...

Gaston:
Eu acho que você deveria radicalizar!
Abandona o shampoo e usa cera Grand Prix, protege e dá brilho!
O único problema, é você ficar com a cabeça escorregando do travesseiro...

1:52 PM

 
Anonymous Re said...

hahahahhaha ótimo brinde para um careca.... melhor do que o morumbi shopping que me deu no meu primeiro dia de regime.... um alfajor Havana... de nozes..... tive que resistir a tentação e dizer não, obrigada, não como doce.... o cara deve ter me olhado com cara de "mentirosa vc hein, fofinha?" enfim.... eles sempre se superam nos brindes... bjs Re

4:03 PM

 
Blogger Gastón said...

Fabi, ser careca é altamente positivo.

Aline, leia meu post sobre usar shampoo. Será esclarecedor.

Rânei, porque não pega bem? Porque eu economizei uma grana? Eu achei ótimo.

Beibe, o shampoo é medio cheiroso. Mas é bom. Meus cabelos laterais ficaram sedosos.

Nana, eu fico sem graça.

Urbe, nem vai rolar. Aí eu vou bater a cabeça no criado mudo.

Re, no jardim sul me deram 2 HAVANNAS. Ah, eu comi os dois com regime e tudo. Continuei magrinho :0)

4:29 PM

 
Anonymous Re said...

2????? só ganhei 1 ainda declinei.... preciso ser mais profissional.... hahahah bjs Re

5:02 PM

 
Blogger mc said...

rânei, economizar grana é ótimo, não nego. Mas ficou um comentário assim meio pão duro, considerando que o Seda custa, em média, R$ 5.

A não ser que você use Shiseido...

5:03 PM

 
Anonymous Anônimo said...

É o lado bom de ser pobre: a gente fica contentinho com essas coisas. Não é pela grana, é pelo agradinho.
Bjs. Rosana.

5:17 PM

 
Anonymous vivi said...

Eu adoro ganhar amostra grátis.
E nem finjo muito, não. Vou lá e pego sim a minha amostra, por direito!
E sim, continue usando shampoo pq se é dos carecas que elas gostam mais, certamente, são das carecas cheirosinhas que elas amam!
Bjs.

5:22 PM

 
Blogger Anna said...

Uia, que tudo esse brinde, heim?
Aposto que eles jamais imaginaram que o brinde ia render tanto pra vc!!!
E ainda bem que vc é um cara esclarecido, se fossem outros carecas que conheço por aí era capaz de terem batido no cara por oferecer shampoo a eles.
E, à propósito, os carecas têm mais é que assumir mesmo a sua carequice.
Meu irmão é um desses carecas precoces, porém assumidérrimo.
E ele é liiiiiindo, um TUDO! (apesar de eu ser um pouco suspeita pra falar dele)
Beijão

5:25 PM

 
Blogger Gastón said...

Re, não deu pra recusar. A menina me fala: o senhor quer alfajor havanna? Achei que ia ganhar um mini. Ela me saca 2 dos grandes e me dá. Quase beijei a mulher. Aliás, não era má ideia...

Rânei, eu não sei preço de shampoo :0P

Rô, eu não sou pobre, eu tô pobre. Mas hei de sair dessa lama e comprar esse shampoo aí que a MC falou.

É isso aí Vivi, careca rulez. As pessoas não acreditam que eu gosto de ser careca.

Anna, eu também sou careca, lindo, um tudo, humilde e modesto ;0)

5:33 PM

 
Blogger Ana said...

Gaston
uma vez, num dia dos namorados, fui em um restaurante que estava dando presentinhos aos casais. Era uma bobeirinha com chocolate, mini Chandon, etc.
Qdo fomos pagar a conta o garçom veio se desculpar que havia acabado o brinde. Eu fiquei tão puta, tão puta, que fiz eles me darem pelo menos a vela que decorava a mesa.
Imagine se eu gosto de brindes ou não. ;)

5:50 PM

 
Anonymous Michel said...

Deve ter algum lugar aí que ainda restou um cabelinho né.

7:08 PM

 
Blogger angela said...

hahahaha,nem sei o q é melhor, o post ou esse último comentário da ana, hahaha...eu tb adoro um brinde, que horror hein, haha..mas já caí nessa do shampoo, e o dito cujo era um lixo!!!!!!afff
ps: uma pergunta que não quer calar: os carecas lavam a careca com que? com sabonete? afff...

7:09 PM

 
Blogger Gastón said...

Ana, você é do PROCON? Mulher, isso é que é exigir os próprios direitos rsrsrsrsrs.

Michel, eu não sou o Espiridião Amin. aqui dos lados tem cabelo. Curtíssimos, mas firmes e fortes.

Angela, querida. Você é minha convidada para ler esse post http://unavidaperra.blogspot.com/2007/06/sim-eu-uso.html altamente esclarecedor sobre essa questão ;0)

7:16 PM

 
Blogger Leonardo said...

Caralho, Gasta...

Na hora q eu li "shampoo", eu quase caí da cadeira, tamanha foi a gargalhada...

Eu sei q vc é careca e, sim, eu sei q vc usa shampoo.... Mas que tacada de ironia do destino.

ahhahaha

Não vai fazer nem um jabá 0800 de qual era o shampoo?

Abraços.

2:18 AM

 
Blogger Anna said...

Gastón,
Tenho certeza que sim!
;0)
Beijo

8:48 AM

 
Blogger Tati said...

o bom e velho auto-humor...
Mas sabe, quando me entregam coisas com o cartão de estacionamento, eu recuso!!! Eu digo, sem necessariamente ser muito simpática:
"Você pode me entregar apenas o cartão?"
Ah, comigo não, violão!....

9:20 AM

 
Blogger Gastón said...

Leo, jaba nesse blog só para promover os amigos. Você vê só cara? Shampoo... Contra uma ironia dessas, só mais uma boa dose de ironia.

Anna, principalmente modesto.

É tati, agora que eu tô magrinho preciso arrumar outro atributo para a zoação. Putz, eu fico com vergonha de recusar. Comigo o truque funciona.

9:38 AM

 
Anonymous 1ª Lady Newton said...

OLha, nem me lembro de onde linkei seu blog, mas não me arrependo!

Estou morrendo de rir aqui com essa história de shampoo e carecas.

Não sei se dá pra considerar a mesma coisa, mas vc ja viu as pessoas se esbarrarem para pegar amostra grátis de Pretzels? As demosntradoras ficam com uma bandejinha com pedacinhos do bicho e o povo cai que nem louco em cima! Hilário!

Eu, é obvio não faço isso! Sou phynna (e diabética)!

Vou tentar ler tudo do seu blog! Chefe ausente é isso q dá!

Bjo
PS: Foi no Blog da Fabi que te achei! Lembrei!!!!

2:26 PM

 
Blogger Gastón said...

Lady, bem vinda ;0) Você é do Rio também? Tem uma caravana de cariocas todos os dias aqui. Não só eu já vi esse lance do pretzel como eu já, com vontade de comer um docinho depois do almoço no shopping, já emendei um "vamos pegar uma amostra de pretzel?"

7:29 PM

 

Postar um comentário

<< Home

 
web site hit counter