terça-feira, setembro 25, 2007

Mesa redonda

Se o seu marido/namorado/prospect/caso não liga a mínima pra futebol, desconfie. Bobagem? Que nada, os números comprovam. Na verdade não tenho números, inventei essa parte pra dar uma credibilidade. Mas é fato que 99% dos amigos que tive nessa vida gostam de futebol. Isso é imprecisamente uma grande verdade. E do total desse 1% restante, 99% é de gays assumidos. Sorry, nunca vi uma biba escalar um time.

Não sei, mas pra traçar um paralelo, acho que é mais ou menos como encontrar uma mulher que não liga pra liquidação. Ou pra sapato. Ou pra bolsa. Quer ver uma mulher feliz? Bota ela numa loja de sapato com um cartão de crédito na mão. Tudo o que ela precisa está ali: crédito, pés, sapatos e um troxão que nem eu ou você pra carregar o estrago. Quer ver um sujeito feliz? Bota ele na frente da TV assistindo o Parmera. Aliás, quero deixar registrado que eu torço pra dois times: o Palmeiras e o Corinthians. Sim, torço pro Palmeiras ganhar e pro Corinthians perder.

Mas voltando ao fato de nós homens gostarmos ou não de futebol, que eu me lembre, conheci durante toda vida uns três caras que nunca ligaram pro assunto e que mesmo assim são chegados num rabo de saia. E esses infelizes sofrem. É, porque o esporte bretão é pauta desde o intervalo da escola até os corredores do trabalho. O papo sempre começa ou termina nos gols da rodada. O cara bem que tenta, puxa lá o time que o pai torcia, decora uns dois ou três nomes, dá uma olhada nos resultados, mas não adianta. Pra se enturmar até que vai, mas o coitado não fica a vontade nas calças que veste.

Há que se salientar que ainda há aqueles que não ligam pra futebol mas gostam de futebol. Esses são normais. Sim, esse é o caso, por exemplo, de muitos Flamenguistas, Corinthianos, Atleticanos... torcedores cujos times estão uma draga, caindo pelas tabelas, beirando a zona de rebaixamento e, de tanta desilusão, preferem não dar muita bola pra não esquentar a cabeça com bobagem. Na hora do globo esporte bota a TV no programa o Nelson Rubens. Isso, vamos ver com quem o Fábio Jr vai casar dessa vez.

Bom, longe de ser o fanático que eu fui quando era garoto, não consigo passar sem assistir um joguinho, ler as notícias no jornal, acompanhar os gols, etc...

É algo que une a classe masculina. Pô, tão bom tirar um sarro do amigo, discutir calorosamente sobre aquele pênalti que não existiu, desfilar com a camisa depois que o time ganha.

Falar de futebol é que nem falar do tempo. Não precisa conhecer o sujeito pra comentar, perguntar um resultado, reclamar do técnico e xingar o juiz. Concordando ou discordando, a conversa é sempre cordial, arranca um sorriso e uma sacaneada cúmplice em alguém que torce do outro lado.

A mulherada não entende muito bem, acha incrível nossa capacidade de assistir a uma partida, querer ver os melhores momentos, os gols e ainda por cima assistir programas de TV que falam sobre o jogo.

Assim como a gente não entende pra que ela precisa de mais um sapato.

39 Comments:

Anonymous Aninha said...

Verdade... confesso que adoro homem que curte futebol, assim como curto uns sapatinhos...
Não entendo nada de futebol, mas dou o maior apoio... rs
E se não entender de sapato/ liquidações e tb me apoiar... aí forma-se 1 dupla PER FEI TA!

12:51 AM

 
Blogger Cláudia said...

Essa coisa com o futebol faz parte do charme masculino.
Meio sem graça o cara que não tá nem aí, que não fica puto quando o time perde, nem tem camisa do time pra usar quando ele ganha...
beijo

7:19 AM

 
Anonymous 1ª lady newton said...

Ai Gasta...aí entra o lance de cumplicidade que eu falei uma vez: Cumplicidade demais não dá. Tive um "rolo" que tinha um filho. Ambos amavam fetebol. Lá fui eu agradar o rolo e o rolinho JR assistir um CURÍNTIA x ATRETICO no estádio!

CURÍNTIA PERDEU! O pândego era curintianu e já imagina né? Voltei pra casa ouvindo impropérios de Bob pai e Bob filho! Não consigo entender esta coisa! Perdeu, perdeu! Vamos tomar uma geladinha e passar o resto do domingo falando amenidades depois de deixar Bob Filho com a mãe não é?

Mas me vinguei! No outro jogo q TIVE de ir, passamos num Outlet da Reebok! Eu precisava de um tenis novo! Eu realmente precisava! Hehehe

Muito franca?
Revenge RULES! Fiquei escolhendo o tenis umas duas horas para desespero da dupla! UHU!

8:14 AM

 
Anonymous Érica said...

Olha, sem ofensas, mas acho que esse foi seu post mais preconceituoso até agora, não que tenha havido algum, mas esse...

Acho que nenhum dos meus amigos (homens, claro0 gosta de futebol, acho que se um gosta ele esconde, e acredite nenhem deles é gay, gostam mesmo de um rabo de saia, se você quiser classificá-los num grupo é o dos nerds, aí sim, talvez eu concorde, mas vai por mim..o que acontece é que eles se aglomeram no grupo dos que não conversam sobre futebol ou que não se interessam e pronto...

Pra não falar que futebol nunca é um tópico, na copa, talvez, a gnt assista um joguinho do Brasil, quando não existe outra opção...

Mas, desculpa...é preconceito dizer que homem que não gosta de futebol é gay...Eles só são uma cetegoria à parte...

Hum, adoro seus textos, até causam polêmica por nada....hehe

8:36 AM

 
Blogger Ana Paula said...

Eu adoro futebol. Não pelo motivo mulherzinha de adorar futebol (ver pernas e 'derrière' dos jogadores...). Gosto, mesmo. Sou Fluminense. Choro, grito...
Mas nunca me cerquei de homens que gostassem. Meu pai detestava. Meu ex-marido e quase todos os caras que namorei não gostavam ou não ligavam... (Tô me cercando dos caras errados... rs). Pra ir ao Maranã uma vez com meu ex, tive que fazer chantagem.
Mas, ainda assim... Preciso de um sapato novo.

9:14 AM

 
Blogger Gastón said...

Aninha e Claudia, tô achando que vocês duas tão fazendo média com a homarada aqui no blog heim... que amor todo é esse por homens que gostam de futebol? Tá estranha essa história rsrsrsrsrs.

Lady, ir no jogo do curinthia é muito amor heim? Ainda se fosse no Paletra Itália, ver o Parmera que é um um legítimo time Italiano...

Érica, não tenho nenhum compromisso com o politicamente correto. Graças ao bom deus. E seria hipocrisia da minha parte vir com um discurso desses sendo que nós homens sempre zuamos um com a cara do outro apelando pra masculinidade. Faz parte do jogo ;0)


Ana, acho divertidíssimo mulher que gosta de futebol. Caso raro. A maioria detesta, emburra, faz bico. No maraca eu não sei como é, mas reluto em levar mulher ao estádio aqui em Sampa. Clássico nem por decreto. Sem machismo, acho que aquilo não é lugar pra levar uma mulher. Sujo, desconfortável, muita baixaria e problemas sérios com violência.

9:50 AM

 
Blogger urbenauta said...

Futebol, Mulher e Rock N´Roll, meu deus como isso é bom!
Era o lema dos velhos tempos...

9:58 AM

 
Blogger Beatriz Bandoli said...

Meu noivo ama futebol e é flamenguista doente... doente mental, of course, porque sou vascaína.
Eu não ligo pra futebol, mas não pelo fato de ser mulher, porque sou APAIXONADA por F1 e boxe, que também são considerados masculinos. Apenas não gosto.
Mas já sei que toda quarta e/ou domingo é dia de flamengo/amigos/cerveja. E quer saber? Eu nem ligo. Adoro esses "momentos homem", e eu respeito. Também tenho os meus momentos, com ou sem sapatinho.

10:15 AM

 
Blogger Beatriz Bandoli said...

... agora, uma coisa que eu não suporto, odeio, detesto, sinto dores homéricas no fígado e nas vísceras e me deixa com vontade de comer criancinhas fritas é: programa esportivo. Se eu ver o Milton Neves na rua, eu juro, dou uma pedrada nele.

(O único legalzinho é esse da esporte interativo, o jogando em casa.)

10:21 AM

 
Anonymous DD said...

tsc,tsc,tsc! Vc se enganou! Eu acho um saco escolher sapatos! Muito melhor ver o Corinthians perder e o São Paulo ganhar! rsrsrs
E sim: um saco homem que não gosta de futebol!
Beijão!

10:24 AM

 
Blogger Gastón said...

Urbe, essa é trilogia de uma vida. Não necessáriamente nessa ordem. Acho que mulher, rock n´roll e futebol cai melhor, apesar de perder a rima.

Beatriz, eu sou completamente fissurado em F1. Gosto mais do que futebol. Boxe eu tb curto muito, mas perdeu um pouco a graça hoje em dia, pelo menos aqui no Brasil não passam mais grandes lutas. Quanto aos programas de debate esportivo, tb já não tenho mais paciência. Se bem que ouço muito programa sobre futebol no rádio.

DD, hahahahahaha, sério? Caramba, uma mulher que acha chato escolher sapato... quase um milagre rsrsrs. Bom, mesmo São Paulina, em alguma coisa a gente é unânime: como é bom ver o corinthians perder.

10:27 AM

 
Blogger Rubina said...

Gastón

Sou daquelas que vai ao estádio com o gajo, gritar, apoiar, e pular quando há golo. Gosto de futebol sobretudo se quem estiver em campo for o meu querido Portugal de Scolari ou o Sporting Clube de Portugal. Olé!!

11:00 AM

 
Blogger Rodolfo Barreto said...

No futebol,
chuto com as duas pernas:
as duas vão pra fora.

Não sei jogar, mas gosto de tudo que me faz rir. E quando não estou rindo dos outros, rio de mim mesmo tomando drible da bola.

11:36 AM

 
Anonymous Fernanda Salgado said...

Você fez a feminista ferforosa que existe dentro de mim pular, gritar e queimar uns sutiãs em praça pública. Qué isso, hein? Fiquei tão raivosa e revoltada que parei de ler o post no meio e vim comentar.

Primeira coisa: Já tive uns 3 namorados que não gostavam de futebol mas gostavam muito do esporte, se é que você me entende. E conheço vários machinhos que não dão a mínima pra 11 homens suados, com pernas grossas correndo de um lado pro outro do campo de futebol. Ora, bolas!

Segunda coisa: NÃO gosto de liquidação (muito pelo contrário, tenho alergia), NÃO gosto de sapatos (Só me descontrolo com Melissas e mesmo assim é um descontrole muito do controlado), NÃO gosto de bolsas e NÃO peço pra ninguém carregar nada pra mim!!!! E depois de ouvir o garson falar na sexta naquele lugar "legal" que a gente foi, que TODAS as mulheres pedem SEMPRE caipirinha de frutas vermelhas, agora eu só vou pedir de ABOBRINHA!

Realmente, seu gaston... tsk, tsk, tsk.

Você acordou a feminista, alguém vai sofrer as consequências!

11:52 AM

 
Blogger Beatriz Bandoli said...

F1 é a melhor coisa do mundo! Esse ano, apesar dos pesares, está super emocionante... Já viu uma Mc laren tão linda?
E boxe, não curto muito assistir, mas eu faço.

11:57 AM

 
Blogger Gastón said...

Rubi, e eu que me arrependo amargamente de não ter trazido aí de Portugal uma camisa do Sporting... é ver e branca como a do meu palmeiras. Dia desses ainda volto praí buscar :0)

Fe, não é por nada não, mas seus ex-namorados eram bem estranhos que eu sei. Aquele lá do Star Wars? Aquele gostava só de star wars. E de você, claro. E o outro? Aquele lá que depois saiu do armário? Fê, o cara saiu do armário!
Ó, melissa é sapato sim heim. Você tá com o rabo preso. E agora com esse cabelinho novo, tá toda, toda desfilando por aí. Com certeza vai comprar uma nova pra combinar e tal. Te conheço Fernanda, te conheço... (não queima o sutiã não que a mulherada falou aqui que tá muito caro)

Beatriz, já foi no autódromo? Ah, vc faz boxe? Coitado do seu noivo, deve andar na linha...

12:05 PM

 
Blogger Gastón said...

Rods, vc é flamenguista. Nem vou dizer mais nada.

12:06 PM

 
Anonymous Lunna said...

Como mulher não entende de futebol ?
Nasci torcedora do Vitória da Bahia (lembra deste time ?) e, consequentemente, torço para tudo que é rubro negro : Flamengo, Sport do Recife...Já até briguei com o "falecido" (que torcia pelo Náutico) por causa de futebol !

2:57 PM

 
Blogger Gastón said...

Lunna, hold on: onde eu disse que mulher não entende de futebol? Aliás, eu não disse isso? Putz, falha minha rsrsrsrs. Brincadeiras a parte, a maioria não entende e nem faz a menor questão de entender. Não há mal nenhum nisso não. Homem também não entende de um monte de coisa. Aqui em São Paulo que não tem rubro-negro, vc bem que podia fugir à regra e torcer pro Verdão.

3:09 PM

 
Blogger Anninha said...

Olha, eu até entendo gostar de futebol, ir ao estádio todo domingo e assistir ao Arena na sportv. Entendo pq eu mesma andei freqüentando o maracanã esse ano e acho super divertido torcer pelo meu time. O que eu não entendo e nunca vou entender é como vocês podem ver jogos de qualquer time, qq campeonato, sem que seus times tenham nada a ver com isso. Mas a gente compra o mesmo modelo de sapato de cores diferentes sem nem ter onde usar né...
Ah! E tem muiiito homem super hetero que gosta menos de futebol que eu, e o meu gosto se resume a cantar o hino e xingar o juíz quando vou aos jogos.

4:08 PM

 
Blogger Cláudia said...

Gastón
começa que eu gosto tanto de futebol que fiz pós no assunto na FGV.
Sobre homens que gostam de futebol, o que mais me atrai neles é a paixão pelo time, uma coisa que nós mulheres raramente alcançamos, salvo raras exceções.
O que eu curto mesmo é essas coisinhas de homem sabe? Acho divertido e charmoso.
beijo

6:24 PM

 
Blogger Cláudia said...

FÓRMULA UM!!!
BORA DE NOVO ESTE ANO?
bj

6:28 PM

 
Blogger Gastón said...

Anninha, é que a gente gosta de futebol como um todo. E é bom assistir um joguinho sem ser do seu time porque vc nao passa nervoso :0)

Clau, boooooooora. Eu tb tô tentando ingressos via um dos clientes aqui da agência. Vamos ver :0)

6:58 PM

 
Blogger Fabiana said...

Eu nao ligo se o cara gosta de futebol. Mas um ex marido meu, passava o domingo assistindo a jogos que aconteceram uns 10 anos atras.

Na boa, isso é coisa de doido.

O pior é q eu nem sou consumista, podia deixar o cara em casa e ir comprar sapatos.

Vou rever meus conceitos com o proximo, rs
beijo

7:29 PM

 
Anonymous Milets said...

É incrível como os homens tem a capacidade de saber os nomes de tooooodos os jogadores, do ano em q o time ganhou/perdeu,da hora exata em que fulano fez gol,falta... Mas pra saber a data de aniversário de casamento, de namoro e da namorada, eles esquecem, hahaha!!
Bom, eu curto assistir um futebolzinho..Hj mesmo estou assistindo Vasco x Lanús...
Meu time joga amanhã..Sou botafoguense( sei que vai zoar,rs)..Não sei mt coisa sobre o time, pq eu não procuro saber.Mas gosto de torcer, de ter um time, de zoar quando os outros perdem..Faz bem!
Bjx

11:34 PM

 
Blogger ANNA said...

Eu até gosto de futebol, de vez em quando(leia-se uma vez a cada seis meses) assisto um jogo com meu pai e/ou com meu marido... Mas eu gosto mesmo é de copa do mundo, aí eu assisto um monte de jogos, mesmo que o Brasil não esteja jogando.
O divertido do futebol é que meu marido torce para um time e a minha sogra para o rival, e ela é fanática por futebol, daquelas que preenche a tabelinha do brasileirão e tudo, sabe todos os resultados, o nome dos jogadores, o nome dos técnicos, quem saiu, quem entrou... tudo! Então é um sarro ver ela brigando com o filho por causa de futebol...
Eu acho legal! Não torço para ninguém, mas acho legal ter um time do coração! Embora eu ainda prefira comprar sapatos.
Beijo

8:24 AM

 
Blogger Gastón said...

Fabi, aí eu concordo que é exagero. Se bem que se passar na TV a final do campeonato paulista de 92, eu assisto rsrsrsrs.

Milets, a gente tem essa capacidade. Não vem não que eu lembro de datas. Aliás, já teve vez de eu lembrar e minha namorada em questão passar batido... Eu fui assistir Botafogo x cabofriense na final da taça rio esse ano :0)

Anna, copa do mundo é o evento mais maravilhoso que já inventaram. Eu chego até a tirar férias pra acompanhar. Se fosse vc arrumava um time diferente do da sua sogra e do seu marido. Só pra entrar na tiração de sarro.

9:34 AM

 
Blogger Juliana Mattoni said...

Detesto futebol e agradeço todos os dias por ter um marido que tb não gosta. Sei que ele é uma raridade no mundo, e o fato de ele nao gostar de futebol e não assistir aos gols da rodada aos domingos me faz amá-lo mais.

11:01 AM

 
Anonymous Ana Júlia said...

Conheci seu blog através do blog da "vaca"... por conta das "roupas de baixo"...

E... simplesmente amei seu blog!!! Já está nos meus favoritos!!!

Parabéns!!

Até +!

Ana

4:13 PM

 
Blogger Ana said...

Adoro futebol, amo o Corinthians. Fui muito mais fanática já, dessas que ouvem jogo no rádio. Hoje estou mais tranquila, mas mesmo assim continuando gostando. E acho esquisito (e chato) homem que não gosta de futebol.Podem falar que sou preconceituosa. Prefiro até que seja um time diferente do meu (Já fui com namorado em estádio no Corinthians x Sao Paulo, de numerada, pq torciamos cada um pra um time, mas que goste.

5:17 PM

 
Blogger mc said...

Todos meus namorados gostavam, mas nenhum era fanático. Só posso agradecer a Deus que nunca me fizeram assistir a isso domingo a tarde ou nunca me deixaram plantada quarta a noite.

Em contrapartida, eu nunca levei nenhum deles fazer compras comigo.

5:50 PM

 
Anonymous Anônimo said...

gastón

aqui eh a luiza, mas nem vo mais avisar ja que vc controla minhas entradas soh pelo espanha que aparece ai hahahahaha

second_ vou pra madrid... fim de semana curto e to tentando convencer minha irma de ir pra toledo, mas boemia do jeito q eh, ja marcou todas as baladas.. nao sei se vai ser dessa vez... de novo...

third_ ja tive varios namorados... mas o único fanático mesmo por futebol eh o de agora, vascaíno (vc vai odia-lo??) eu sou corinthiana nao praticante (vc vai me odiar agora???) enfim nao entendo nada de fut e mto de bolsa e sapato...

mas agora torço pro barça e ja consegui decorar todos os jogadores... hehehe, agora soh falta conseguir um precinho marba para o jogo... mas enfim o que eu queria dizer eh o seguinte: presenciei uma cena que comprova e assina embaixo do que vc escreveu...

meu namorado conversando comigo no restaurante, de repente ele para de falar, olha por cima de mim, e cai o queixo.... de repente vejo passar ao meu lado o brasileiro mais feio que existe... enfim nem por mim, nem por gisele bundchen cairia o queixo dele daquele jeito...

confira...
http://www.fotolog.com/lucydc/35215764

beijosss
Lu

8:57 AM

 
Blogger Gastón said...

Ju, você não está sozinha. Conheço um monte de mulher que pensa assim tb. Minha best friend inclusive escolhe namorado com esse pré-requisito. E me xinga porque eu gosto de futebol.

Ana Julia, muuuuito bem vinda. Espero que venha sempre e comente sempre tb.

Ana, vc ouvia jogo em rádio? caramba, gostava mesmo :0) Eu tb já fui mais fanático, hj em dia sosseguei. Acho que já tenho preocupação de mais na cabeça pra esquentá-la com futebol.

Rânei, eu curto futebol mas não troco minha namorada por jogo não. Mas se for uma final ou coisa do tipo, elas costumam entender. Assim como eu entendo o fato de ficar plantado na frente da loja de sapato.

Lu, corinthiaaaaana? Mas porque Lu, vc toma banho, tem todos os dentes... rsrsrs. Bom, sendo não praticante, tá valendo. Seu namorado ser vascaíno é altamente perdoável. Aliás, as torcidas do Palmeiras e do Vasco são irmãs, tem muito vascaíno em jogo do Verdão e vice-versa. Agora, encontrar o Ronaldinho e o Vagner Love? Caramba heim? Nossa, sonho em ir no camp nou ver um jogo do barça...

10:06 AM

 
Blogger Tati said...

Número 1: EU não ligo pra sapato. Comprovado em post de julho!
Sobre os homens, acho o máximo todos terem esse assunto em comum, pois os une. Não tenho receio de apresentar Sr. Jeca pra amigos ou namorados de amigas pq sei que assunto eles vão ter...
beijos

8:15 AM

 
Anonymous Anônimo said...

Gastón,
Adoro seu blog!
Parabéns!!!

Eu adoro futebol e amo os homens que também adoram.
Concordo contigo quanto a desconfiança dos caras que não gostam.
Bolsas, sapatos, futebol... tá tudo valendo!


Bjos,
Gilm :)

11:35 AM

 
Anonymous Claudia Aleixo said...

Eu torço sempre para o Atlético Mineiro, Flamengo e qualquer time que jogar contra o Ipatinga perder.
Mas como eu te prometi...torço em São Paulo para o Palmeiras...rsrsrs...desde que ele não jogue com o...vc sabe qual, né?! Beijosssssssssss

10:13 PM

 
Blogger Vega said...

Ae...naum se esqueça q tah rolando a copa do mundo de futebol gay lá na argentina......

existem gays q gostam huahuahauha

Mas eu como bom homem, q adora mulher diga-se d passagem, futebol é mto foda! iouahoiauhaoihaoiauh

1:11 AM

 
Anonymous Eduardo said...

sei não mas acho que estas tuas estatísticas tão furadas... ou então a namorada do Richarlyson não é nenhuma modelete-atriz interesseira que fez um acordo para garantir a capa da Playboy.

10:43 AM

 
Blogger Gastón said...

Pô eduardo, tá ceríssimo. A torcida do São Paulo é a segunda maior do estado... rsrsrsrs. Tá furada mesmo mina estatística.

10:52 AM

 

Postar um comentário

<< Home

 
web site hit counter