sábado, janeiro 06, 2007

Ctrl + Z

Continuando em 2007 a série das requentadas de fim de semana. Esse texto foi publicado mais pertinho do fim do Croquer. Talvez alguns se recordem.

Gastón

Já vivi essa paranóia moderna. Quando aconteceu comigo achei que fosse o único cyber psicótico do mundo, um espécime a ser estudado pela psicanálise moderna.

Mas descobri que, definitivamente, não estou sozinho.

De repente você se vê entretido fazendo alguma coisa. Sei lá, tirando pó dos seus livros em cima da estante. Sem querer esbarra num porta-retrato e ele se espatifa no chão. A primeira coisa que você pensa é: undo.

Só então se dá conta que aquilo não é o photoshop, nem o word, nem o exel, nem o Freehand, nem o Ilustrator, nem o quark, nem o flash... aquilo é vida real e no mundo real a gente não tem undo.

O porta retrato quebrou e ele não vai voltar inteiro pra prateleira com duas teclas de atalho.
Pra quem ta perdido, um dos poucos comandos universais em praticamente todos os programas de computador é o CTRL + Z, ou Undo (desfazer).

E a gente está tão habituado a esse comportamento, de desfazer aquilo que não deu certo no computador que acaba transferindo automaticamente o raciocínio pra fora dele.

Fala a verdade, é ou não é moderno? Somos os freaks dos século 21...
Mas pensando bem, o que seria ter um CTRL + Z na vida heim? Já imaginou poder fazer aquela burrada master e voltar atrás imediatamente? O maior absurdo do mundo e depois "Undo" e Pronto?

Sei lá, assim como nos programas a gente tem um máximo de ações que podem ser desfeitas, na vida podia ser igual. Você tem direito a 20 undos durante toda a sua existência. Senão também haja gente fazendo merda sem sair do lugar.

Undo nas burradas, Delete nas coisas indesejáveis, Enter pra começar uma nova história, Esc pra cancelar, F5 pra dar um Refresh na vida, Ctrl + C pra copiar os bons momentos e Ctrl + V para revivê-los adiante... E uma amiga me lembrou que no Macintosh existe o CTRL + F: Find. Pra encontrar as chaves do carro, os óculos, sua cara metade...

A vida devia vir com teclado de fábrica.

7 Comments:

Blogger Sofia said...

Gaston,
Voltou de férias com a corda toda, hein? Não sei se gosto mais dos "inéditos" ou dos "requentados", o fato é que venho diariamente para me divertir com os seus textos.
Abraços,

10:27 AM

 
Anonymous renatinha said...

O problema é quando aparece: "este programa efetuou um operação ilegal e será fechada". Será que dar um CRTL+ALT+DEL tb funciona na vida real???

1:11 PM

 
Blogger Cláudia said...

hoje mesmo eu precisei demais de um undo e não tinha...

7:57 PM

 
Blogger Gastón said...

Sofia, que bom que tem gostado :0) Os requentados são os mais legais do antigo, então gosto muito de todos eles. Tô com a corda toda mesmo, peguei um bom embalo.

É rezinha, Ctrl + Alt = Del é cruel. Se bem que reiniciar o sistema as vezes funciona.

Clau, o que você derrubou heim? Aliás, a Jô devia ter um undo...

11:46 PM

 
Blogger mc said...

Eu ADORO esse!

9:40 AM

 
Blogger Re said...

Nossa... isso sempre acontecia comigo... várias vezes me pegava no ar dando Comand + Z... o pior foi um estagiário que eu tive (antes de existir o histórico no photoshop) que eu disse: olha o photoshop, não é como o freehand, ele só tem um comand+Z, e um dia ele estava fazendo um trabalho e eu dei um comand+Z, ele me olhou e disse: - Vc gastou o único comand+Z?
Como se eu tivesse acabado para sempre com o atalho... tadinho... bjs

1:47 PM

 
Anonymous Flavita said...

Olha que tá aí uma ótima idéia mesmo. Já patenteou?

;)

11:48 AM

 

Postar um comentário

<< Home

 
web site hit counter