terça-feira, dezembro 19, 2006

Confidencial.

O cara que inventou o amigo secreto, provavelmente, tinha duas coisas na vida: uma família enorme e dívidas.

Minha família não é das maiores, mas levando em consideração somente a segunda parte eu já tenho muito o que agradecer ao sujeito.

Foi praticamente a invenção do século.

E vamos combinar que comprar presente pra esse bando de gente é cruel. Não só pela grana, mas pelo tempo, paciência de Jó pra ir a qualquer lugar onde se venda presentes nessa época do ano e por não ter a mais vaga idéia do que dar pra metade das pessoas.

Por mais complicado que seja o nome escrito naquele papelzinho dobrado, fica um problema só pra resolver e pronto.

Facilita que é uma beleza.

Uma coisa que me intriga nessas ocasiões é o porque de toda mulher se contorcer de curiosidade pra saber quem as pessoas tiraram.

Impressionante, elas armam uma investigação. Cruzam dados, calculam possibilidades, fuçam no lixo, te seguem no shopping...

Mãe principalmente. A minha é uma que quase explode se não descobrir. Primeiro ela vem com uma conversinha mole de ajudar a comprar o presente. Depois ela vem pedindo dicas. Aí parte para os chutes de longa distância. Por fim já tá tentando te subornar com alguma sobremesa de natal.

- Mãe, o nome do bagulho é Amigo Secreto, S-E-C-R-E-T-O, secreto, SECRETO.

- Conta vai, eu faço aquele brigadeirão...

Só conto pra ela se tirar o mais temível de todos os papeizinhos: o do meu pai. Dar presente pra ele só com ajuda materna e reza braba. Dar dois por ano (aniversário e dia dos pais) já é um desafio a imaginação. O terceiro é quase uma viajem sem volta.

- Seu pai tá precisando de pijama.

- Pijama de novo mãe?

- De novo não, ano passado ele ganhou chinelo. O Pijama dele tá furado.

E quando a sua avó te tira?

- Ô Vó, obrigado pela cueca, tava mesmo precisando...

- Como você sabe meu filho, você nem abriu ainda o pacote?

- Ah é, nem reparei...

Pois ela deve pensar a mesma coisa de você “Cacete, perfume do Boticário de novo, quer ver? Só porque eu tô velha eles acham que eu não lembro o que ganhei no ano passado”. Ué, vai dar o que pra avó? Já tá distribuindo as coisas faz dez anos achando que vai bater as botas...

Bom, esse ano acabei tirando...

Não senhor, nem vou falar. Minha mãe deve estar até lendo meu blog pra descobrir.


15 Comments:

Anonymous Mônica Montone said...

Putz, Gastón, meu tema tá parecido com o seu, kkkkk, passe no fina flor depois e veja ;o)

Desejo que seu amigo secreto seja bom esse ano e que o natal traga muita luz para você e todos da sua família.

beijocas

MM

11:29 PM

 
Anonymous Mônica Montone said...

Por que esse sistema que você usa nunca registra nosso endereço?

Isso sempre acontece quando vou comentar com quem tem blogger!!....

beijocas

MM

www.finaflormonicamontone.blogspot.com

11:30 PM

 
Anonymous Ana R. said...

O pq da curiosidade feminina??
C U R I O S I D A D E, oras...
Pode tb chamar de xeretice se preferir!!
Boa sorte no amigo secreto deste ano!
1 dica: tem MTA coisa legal no Boticário fora perfumes!!

Bjão
Ana R.

11:40 PM

 
Blogger Sofia said...

Pior que tirar / ser tirado pela avó é tirar / ser tirado pela sogra. No meu primeiro Natal de casada, ganhei uma TESOURA.
Teria algum significado oculto que até agora não entendi???
Abraços,

8:05 AM

 
Blogger mc said...

Rânei,
esse ano só tive um, graças à Deus. Mas ainda corro o risco de ganhar pijama da minha madrinha.
beijos

10:37 AM

 
Anonymous Anônimo said...

O amigo oculto (é o nome por aqui em Brasília) da família (sendo eu a alienígena, porque trata-se da família do marido) é totalmente viciado, já teve casos de gente comprando o próprio presente e embrulhando pro outro dar, fora aqueles que sempre se "tiram" um ao outro,por aí vai. E na lista dos presentes possíveis só falta a referência do produto. Não, não tem graça nenhuma.
Bjs. Rosana.

11:14 AM

 
Anonymous Rodolfo Barreto said...

Num dia desses, tava eu lá, conversando com uma amiga que passou um mês no Pará. O papo acabou descambando para o tema "fim de ano" e, por conseguinte, para o "amigo secreto".

– "Amigo secreto" é aqui. Lá no Rio é "Amigo Oculto"
– E lá no Norte é amigo invisível.

Rimos muito e pedimos mais três chopes. Um pra cada um e outro para nosso amigo imaginário.

1:05 PM

 
Blogger Gastón said...

Monica, fui lá ler seu fim de ano :0)
Pois é, amigo secreto é sempre a mesma papagaiada em tudo quanto é lugar. Pra você também um ótimo natal e uma boa entrada de ano.


Aninha, senti que eu pisei num calo... rsrsrsrs. Pisei?


Sofia, hahahahaha, tesoura da sogra? Pior que não dá nem pra cortar os pulsos...

Rânei, eu tô em três!! Um já foi. rolou tudo bem. Agora vamos ver os outros dois.

Ro, sou ante-marmelada. Mas tem gente que tem o dom da marmelada, eles precisam roubar no jogo.

Rods, amigo invisível? O da agência vai ser assim? I see dead people :0)

1:20 PM

 
Blogger Tati said...

Gasta, estou preparando meu post de amigo secreto tb, mas tem relação com um amigo secreto do blog, amanhã estará lá!
E checa tb sobre nosso encontro, respondi lá!
Beijos

5:27 PM

 
Anonymous Ana R. said...

Calo nada, trauma de presente miado no amigo secreto: pulseirinhas coloridas de gliter (by 25 de março), perfume ruim, etc etc... Isso sempre qd eu caprichei no presente do meu amigo!
Presente de sogra? Pimenteiro de madeira!! Que tal? Ainda bem que é ex... rs

10:42 PM

 
Blogger Gastón said...

Tati, to indo lá conferir.

Aninha, isso é que é trauma. Eu também sempre capricho nos meus presentes.

11:24 PM

 
Blogger Re said...

Pois é Gastón.... Depois do stress do Natal passado que a briga começou no meio do amigo secreto... este ano, não terá... e a facção Talibã não foi convidada, bom por um lado, mas por outro significa comprar presentes para todos e ir a falência.
bjs

2:10 PM

 
Anonymous Anônimo said...

Ana R.
Pimenteira daquelas de moer pimenta do reino em grão? Manda pra cá!!! Sou irmã da Cláudia, ela entrega.
Bjs. Rosana

5:45 PM

 
Anonymous Anônimo said...

Cara, lá no trabalho todo ano o amigo secreto é a maior marmelada... já começa com uma galera escolhendo quem vai tirar (com a total anuência das organizadoras do evento). Depois vem a fase do troca-troca... por fim, as confidências de quem não sabe nem quem é a pessoa que tirou e muito menos o que vai dar de presente. No fim do último amigo secreto eu já sabia a identidade de mais ou menos uns 8 amigos secretos... o legal é que quem me tirou me enganou direitinho!
Beijo!
Cris.

12:28 AM

 
Anonymous Anônimo said...

P.S.: no hall dos presentes de grego, ganhei no ano passado um lindo CHAVEIRO... ninguém merece...

12:31 AM

 

Postar um comentário

<< Home

 
web site hit counter