domingo, dezembro 17, 2006

É bom para o moral

Fiquei sem conexão. Por isso os requentados foram publicados só agora. Entre um Mojito e outro, lembrei desse texto ontem após ouvir de uma certa pessoa confissões musicais da mais pura breguice. Lá vai.

Gastón


Não adianta se enganar: você tem um lado brega. Escondidinho atrás de todos aqueles discos do John Coltrane, do John Lennon e do John Mayer sempre tem um do John Secada. Aquele que você deixa a capa invertida e tira das profundezas da gaveta quando está sozinho, coloca o fone de ouvido, mas deixa um lado meio fora da orelha pra se escutar cantando “Aiiiiiiiii, aaaaaaaaaaaiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii i can´t resist....” .

Bom, eu tenho o meu, vou dar a cara pra bater e vou dizer agora em rede nacional: eu adoro o Almir Sater. Sou fã, tenho 8 discos, já fui no show e arranho “ Chalana” no violão.

Mas quem não tem que atire a primeira pedra.

Tenho um amigo guitarrista, inteiro tatuado, líder de uma banda cover de Slayer e Rage Against the Machine que idolatra o Roupa Nova... e o cara canta TODAS as músicas de olhinhos fechados, balançando a cabeça e com as mãozinhas pro alto.

Ontem mesmo, um amigo meu todo underground, cheio dos Morriseys, The Cure, Smiths e afins disparou sem dó um e-mail com a letra de “Quiero ser”. Menudo mesmo, lembra?

Nove em cada dez mulheres que eu conheço gostam de Fabio Júnior. E vai falar pra elas que é brega... sempre ouço aquele "Ah, mais tem aquela música que não é vai...". Sorry girls, brega e ponto final. Obrigadú!!!

E pra completar essa história toda, estamos na febre dos anos 80. Agora as pessoas ouvem “É bom para o moral”, assistem show da Marrom, pulam alucinadamente com o Trem da alegria e se tocar Step by Step elas se jogam.

Lembro da minha primeira ida à Trash 80´s, atrás do Hotel Cambridge. Desconfiado, com medo de ver aquelas pessoas felizes demais, com uma veia saltando na testa, cantando musicas da Gretchen... pois é, saí de lá as 4 da manhã, rouco, bêbado e completamente brega.

Ah, e por falar no Almir Sater, Julis, tem show dele no Credicard*, me arruma um par de ingressos? Fala sério, ninguém aí na CIE vai querer ir.

Mas acho que difícil mesmo vai ser arrumar alguém pra ir comigo. Alguém se candidata? Juro que eu não conto pra ninguém.


* texto requentado, evento do passado. E infelizmente eu não fui no show.

14 Comments:

Blogger tacolla said...

Fábio Junior já é demais, mas Roupa Nova....... Só dá a Jeca, de mãozinha pra cima, delirando com "Linda, só você me fascina..."
PS: Na verdade, essa musica me traz lembranças doloridas dos bailinhos a escola, gasta.... sempre queria dançar com o Fernando Sita, mas ele só tirava a Juliana Penna...... e essa música de fundo....
Mas enfim, viva Trash 80´s!
bj tati

8:34 PM

 
Blogger MH said...

Nooooossa. A carapuça serviu, beibi, como uma luva...
Gosto bastante do Amir Sater tbem. Mas Chalana é de muito antes dele, tá ... eu amo. meu avô cantava pra minha mãe quando ela era criança!!
Se rolar outro show, me leva, please!!!
E morro de vontade de encarar a Trash...
e La Barca é brega mas é linda.
E tenho dito!!
bjo

10:15 PM

 
Blogger Gastón said...

Tati, nos bailinhos que EU ia, nem tocava roupa nova. rolava um Whitesnake, um Phill Collins... E que não queria dançar com a Ju Penna, fala pra mim?

Beibe (prefiro com "e"no final), carapuças a parte Luiz Miguel no chuveiro eh incofessável heim... pode deixar, quando tiver show do Almir eu te chamo com certeza.

10:33 PM

 
Anonymous Anônimo said...

Roupa Nova, Fabio Jr, Alcione, Agepê, Barry Manilow (annnndddddd i'mmmmmmmm ready to take a chance agaaaaaiiiinnnnnnn). Pronto, confessei!
bj
Cláudia

11:28 PM

 
Anonymous Anônimo said...

pra mh: a trash é uma experiência de vida!

11:29 PM

 
Blogger Sofia said...

Como se diz aqui em casa: quem nunca foi brega que atire o primeiro pinguim de geladeira ;)
Abraços,

8:12 AM

 
Anonymous Anônimo said...

Viva o brega!!!! Em casa escutamos Cleiton e Cleidir.. fala sério, mas é mal de família.. às vezes pego a cena: eu, minha irmã e minha mãe empolgadíssimas em casa ao som de: "Deu pra ti, baixo astral.. vou pra Porto Alegre e tchau... que que!!!"
Caia

8:57 AM

 
Blogger Tati said...

Este comentário foi removido pelo autor.

12:04 PM

 
Blogger Tati said...

hahaha, Caia, isso foi vingança da foto que eu postei dos mullets na jeca, né???? Cleiton e Cleidir é nosso fundo de poço...

"Ah! Vira virou
Meu coração navegador
Ah! Gira girou
Essa galera."....

GASTÃO, você anda renegando muito seu passado!!!!! Você muito provavelmente ia nos mesmos bailinhos que eu!!!! E rolava Roupa Nova sim, entre as baladinhas americanas.... Inclusive esse episódio específico foi num bailinho do Walter, o Gordo que agora não é mais gordo...

12:05 PM

 
Blogger Tati said...

Só pra reavivar a memória gaúcha!!!!

"Quando eu ando assim meio down
Vou pra Porto e...bah! Tri legal
Coisas de magia, sei lá
Paralelo 30

Alô tchurma do Bonfim
As gurias tão tri afim
Garopaba ou Bar João
Beladona e chimarrão"

Bah, é pra lá que vamos neste fim de ano!!! E dá-lhe Kleiton e Kleidir!!!

12:07 PM

 
Anonymous Rodolfo Barreto said...

Almir Sater? Enlouqueceu? Andou bebendo água do Rio Negro? Vou pegar uma pedra ali e já volto. E larga esse violão, seu... seu Chalana.

12:38 PM

 
Blogger Gastón said...

Sofia, joga o pinguim no aparelho de som :0)


Tati e Caia, continuem assim, nos revelando os podres da família. Mas Kleiton e Kleidir (apesar do nome meio sertanejo) tem o seu valor. Não é tão grave.

Clau, Agepê????? Eu vou até ignorar o resto, mas AGEPÊ????

Rods, Almir Sater sim. Eu gosto mesmo. Vai dizer que vc não tem nenhum podrezinho? E a Clau que confessou que ouve Agepê?

12:43 PM

 
Blogger tacolla said...

ufa.... já posso colocar o vestido de prenda, o chimarrão e cantar KK no natal.....
"Vou pra Porto Alegre, tchau!
Que que"
bj

7:07 PM

 
Anonymous Anônimo said...

Ei, essa Cláudia que gosta do AGP é uma que se diz minha irmã? Chama os MIB's que ela foi abduzida!!!
Ué, por que é brega gostar de Roupa Nova e Almir Sater? Não se trata de uma confissão, veja bem, apenas queria saber...
A Ana Carolina gravou uma música de rosas que é o fim da linha, cafonicemente falando, méquipode?
Bjs. Rosana.

11:04 AM

 

Postar um comentário

<< Home

 
web site hit counter