segunda-feira, dezembro 04, 2006

Amo muito tudo isso.

Quando se mora sozinho, o sujeito acaba criando algumas excentricidades gastronômicas. Acontece por vários motivos: falta de alguém que cozinhe, falta de comida na geladeira, falta de tempo, falta de supermercado, falta de vergonha na cara, falta de paladar...

Mas se falta tudo isso, sem sombra de dúvida, sobra criatividade.

Nos momentos de pânico, nos mais lariquentos, mais lombriguentos acabam surgindo verdadeiras pérolas da baixa gastronomia caseira em misturas desesperadas para fomes descontroladas.

É o famoso menu da xepa.

Eu não sou chegado nessas misturebas. Aliás, nem salgado com doce eu não misturo. Sou daqueles que passa vergonha na casa da tia mas separa todas as uvas passas do arroz na ceia de natal. Adoro arroz. Adoro uva passa. Mas não junto. Mas arroz com passas é chique e não vem ao caso.

Pra chegar a essas iguarias, fiz uma grande pesquisa entre os meus amigos. O que me surpreendeu nos resultados foi que as maiores bizarrices vieram daqueles que moram na casa dos pais! Será que é porque, ao contrário do que se pensa, não é a falta de opção e sim o excesso dela que faz a pessoa ter esses acessos de insanidade culinária?

Pra começar, um pãozinho sempre ajuda. O Pão é o melhor amigo do lariquento sem noção.

Pão com queijo ralado e pão com manteiga e nescau estão entre os clássicos. Mas ouvi umas coisas que me deixaramum pouco preocupado com o bem estar das pessoas...

Pão com doritos?
Pão com sal??
Pão com arroz???
Pão com pasta de dente????

Você abre sua geladeira com um pãozinho na mão. Não tem requeijão, nem nutella, nem manteiga. Deixa ver, agua você não pode por no pão. Nem leite. Alface é muito sem graça. E gelo? Não, gelo é muito crocante. Hummmm, e esse ovinho aqui? Mas ovo você não sabe fritar. Muda de cômodo: vai pro banheiro. Creme dental! E essa sua cabeça gorda e seu estômago decadente te fazem comer isso.

Sanduba de colgate. Será que nem precisa escovar os dentes depois.

Afff....

O miojo também é um grande amigo nessa horas. Tem até comunidade no Orkut com receitas bizarras de Miojo. Com ovo frito, com canela, com açúcar, com batata frita e por aí vai. O que tiver na frente, joga no miojo e manda pra dentro. Isso quando as pessoas cozinham o miojo.

Porque miojo cru com requeijão também é bem difundido. Aliás, já ouvi lendas de Miojo cru com caviar... é quase como colocar um câmbio de siri numa porche.

E feijão gelado com azeite? Quem experimentou disse que é espetacular, chegar em casa de madrugada e comer aquele feijãozinho que estava reservado para o almoço do dia seguinte com um fio de azeite é o que há.

E você? Confessa aí, manda ver num biscoito de agua e sal com danoninho?

Pois eu conheço gente que acha isso uma iguaria.

17 Comments:

Blogger Rubina said...

O que é miojo???

8:05 AM

 
Blogger Gastón said...

Rubina, minha amiga d'além mar, miojo é um macarrão instantâneo. Daqueles que ficam prontos em 3 minutos.

9:33 AM

 
Anonymous Palloma said...

Acredito que esse "fabuloso" menu vêm da necessidade de saborear e experimentar novos pratos, principalmente para quem têm o excesso dele. Posso dizer que sou mestre nisso, mas pão com pasta de dente é surpreendente :-#

9:41 AM

 
Blogger Cláudia said...

Tô indo ali vomitar e já volto.

11:51 AM

 
Blogger mc said...

com pasta de dente não dá, Rânei, não pode ser verdade!!!

Confesso que já experimentei também a variação do requeijão com Nescau... e queijo ralado com açúcar.

Pronto, falei.

12:36 PM

 
Blogger Gastón said...

Pallominha, vc foi uma grande colaboradora desse post. Obrigado :0)

Clau, que estômago mais sensível. Mas vai dizer que vc nunca misturou nada na hora do desespero?

Rânei, o legal desses posts eh que a gente ouve essas confissões. Quanto ao pão com pasta de dente, essa história eh muito antiga e não sei mais quem me contou que comia. Mas foi o que inspirou o post :0)

12:48 PM

 
Anonymous Anônimo said...

O meu auge de larica, devo confessar que foi uma mistura bastante improvável... etsávamos eu e Claudinha (lembra, Gastón, do teatro?), as duas mortas de fome, numa larica espetacular.. queríamos algo doce e diferente.. criamos um prato único.. charutinho de repolho com brigadeiro dentro.. salpicamos uma canela em cima e vlapt para o forno.. é com vergonha que digo que minha boca está aguando nesse momento..
Caia

1:48 PM

 
Blogger Tati said...

hehehe, lembro do Diogo comendo pão com amendoim...... deve ser bom...
Mas eu tenho uma estranha mania, que adquiri na infância.... Maçã com sal!!! Só como maçã se for com o saleiro do lado.... Se for maçã fuji, então, não preciso de mais nada!!!!!
e claro, minha pipoca em casa é sempre estourada com cominho e curry, fica um espetáculo!!!!!
beijo

4:43 PM

 
Anonymous Rodolfo said...

Alguém quer um estômago de Natal?
Já está embrulhado.

6:22 PM

 
Blogger Gastón said...

Nossa Caia, todos os premios vão vc. Nossa... que trash!!!

Tati, sua pipoca é bacana. Mas maçã com sal... de onde tirou essa idéia?

7:43 PM

 
Blogger Tati said...

Da novela "Bambolê", lembra disso???? A personagem da Carla Marins estava grávida e tinha desejo de comer maçã com sal! Lembro como se fosse hoje... Não, hj, não... Lembro como se fosse há uns 20 dias. levantei do sofá e fui pra cozinha experimentar... Nunca mais parei!
é bão......
beijo

8:10 PM

 
Blogger Sofia said...

Eu pensei que já tinha visto de tudo nessa vida ... pão com pasta de dente ?!?!? Eca, eca, eca.
A propósito, mesmo com 12 anos de casada, até hoje ainda não aprendi a cozinhar !!
Abraços,

9:57 PM

 
Blogger Re said...

Olha... moro a mais de um ano neste apê que estou agora e ainda não liguei o fogão... parei de comer coisas que precisam ser feitas. Mas tenho um george foreman e um microondas, lasanha da sadia com hamburguer são a base da minha alimentação... Morar sozinha tem este problema, cozinhar para 1 pessoa é triste....

3:04 PM

 
Anonymous Anônimo said...

Em Belém as pessoas comem manga com farinha, aliás, tudo com farinha. E minha mãe conhece uma senhôra que, na gravidez dos filhos, comia talco, escondida do marido. Ela disse que era um gosto tão bom...Os filhos são normais.
Lá em casa, logo que casei, o bujão de gás fez aniversário junto conosco. Bodas de metano.
Bjs. Rosana.

7:58 PM

 
Blogger MH said...

Que noooooojooooooo! Mas confesso, adoro torrada com manteiga (derretida) salpicada com açúcar. E lembro de comer colheradas do tal queijo ralado com açúcar que minha irmã mencionou...

3:08 PM

 
Anonymous Nana said...

Hahahaha!!! Eu tinha uma vizinha que tomava leite com nescau e pasta de dente!
Cara, descobri seu blog hoje, num link no blog da Vicky. Excelente, você é muito engraçado.
Poxa, logo agora que eu descobri algo divertido pra fazer no trabalho enquanto finjo que trabalho, vou sair de férias... Mas olha, tive que me controlar pra não rir alto com alguns posts. O do Hino nacional é hilário, mas o mais engraçado até agora eu achei o da vendedora de celular!!!
Parabéns, fiquei fã!

4:15 PM

 
Anonymous Flavita said...

Abacaxi com requeijão. Adoro.

10:43 PM

 

Postar um comentário

<< Home

 
web site hit counter