terça-feira, janeiro 22, 2008

Levante e lute como um frango.

Precisando de uma variação gastronômica no meu cardápio noturno, resolvi comprar sobre-coxas de frango congeladas e, lógico, temperadas pra fazer no incrível, sensacional e, porque não, fantástico George Foreman Grill. Aparato esse que já foi tema de post nesse blog pelos serviços prestados a uma parcela importantíssima da humanidade, carente de habilidades culinárias chamada "Homosapiensolterus".

Cansei de steak de frango sem emapanamento, com empanamento, nuggets, recheado, etc... Precisava de novas formas de frango.

Chegando em casa, retirei da embalagem afim de colocar um dos 4 pedaços que ali estavam pra grelhar. O ideal seria deixar descongelando, mas aí viraria o galo da madrugada, já que o jantar sairia as 3 da manhã. E o legal do George é que não precisa descongelar, pode tacar um pedação lá e abaixar a tampa que o bicho resolve.

E quem disse que eu conseguia separar os pedaços de frango? Pois é, além do Sr. Foreman eu precisava de uma picareta.

Aquilo era uma lápide de galinha. Aquilo serve de colete à prova de bala. É quase uma arma.

- Pobrezinho, levou uma frangada na cabeça e morreu.

Deviam escrever na embalagem assim: Paralelepípedo de frango. Não arremesse em ninguém.

Voltando à vaca fria, ou melhor, à galinha fria, certo talvez seria colocar o pacote ainda fechado na água pra dar uma leve soltada. Mas, obviamente, eu não sabia que vinha tudo ali amontoado e compactamente grudado.

Resolvi passar uma água mesmo assim, mas o tempero começou a escorrer pelo ralo e eu achei melhor interromper o processo.

Bati com a placa na pia. Fiz alavanca com uma faca. Torci pros lados.

O negócio tava quase botando um ovo de tanto que eu apertei aquela joça.

Ignorante? Cara, aquilo era uma questão de honra. Eu podia ser derrotado por qualquer tipo de alimento, menos por um frango.

Depois de uns quatro rounds de luta livre, consegui soltar um dos pedaços.

No fim ficou bom. Tudo bem que foi a Sadia quem temperou e o George Foreman quem grelhou. Mas fui eu que dei uma sova naquele frangote. Onde já se viu...

23 Comments:

Blogger Cláudia said...

Fica bom frango no Jorjão? Porque o bife fica uma sola de sapato medonha (que Bela adora).
Da proxima, põe 30 segundos no microondas que eles soltam.
beijo

9:35 PM

 
Blogger "a" MH said...

já tive minhas batalhas com pacotes de frango congelado. e admito que nem sempre venci... ô trocinho grudado, a união faz a força MESMO!!

9:06 AM

 
Anonymous Fernanda Salgado said...

Parabéns pela luta. Isso prova que você é um homem com H.

Eu, mulher com M, não luto com alimentos há um tempo. Eles tem chegado quentinhos e prontos na porta do meu prédio. É mágica!

9:15 AM

 
Blogger Gastón said...

Clau, não fica assim um churrasco, mas dá pro gasto. É, bife não rola né? Fica sem gosto. Mas se a bela curte, sorte sua :0)

Beibe, não é um meteorito? Chama o Renato pra bater neles.

É isso aí Fê. Se tiver algum frango te incomodando você me chama que eu quebro a cara dele. E se aquele brocolis engraçadinho aparecer de novo me liga que eu dou um corretivo nele também.

9:21 AM

 
Blogger Fabi said...

gasta meu bem, ja inventaram o microondas, vc sabia?

bj

9:38 AM

 
Blogger yaralucas said...

Hahaha, já passei por isso, sou da espécie Homosapiensrecemcasada. Colocar no microondas ajuda mesmo a soltar a carapaça de gelo, mas cuidado com o tempo, da última vez quase cozinhei os bifes ao invés de descongelar, e bifes quase cozidos ficam com uma cor e consistência horríveis, iéct! :O)

Tem mais uma coisa: sobrou 3 pedaços na embalagem, né? Se você a descongelou, não pode voltar a congelar, senão maldições terríveis podem acontecer à sua barriga, tipo piriri. A solução é tacar todos os pedaços no grill e depois de prontos esperar esfriar, embrulhar cada pedaço separado em plástico filme e aí sim, congelá-los. Depois é só esquentar que fica tão bom quanto, pelo menos vc aproveita toda a bandeja e não fica lutando contra o frango toda vez :o)

10:03 AM

 
Anonymous Lunna said...

Minha religião proibe que eu coma frango congelado da Sadia. Mas já tive muitas brigas com latas de atum...é e não vai falar que elas abrem sem abridor não...uma destas malditas quase decepou meu dedo !

10:06 AM

 
Anonymous Aninha said...

É... eu tb vou voltar ao bom e velho George! Chega da amiga jaca!
Outro dia, na tentativa de desgrudar filés de peixe, despedacei tudo... uma beleeeeeeeza...

10:11 AM

 
Blogger Gastón said...

Fabi, mas aí o frango pode ficar ruim se eu voltar ele pro congelador. E eu não vou comer frango a semana toda não, to fora.

Yara, você me entende. A Fabi não me entende.

Lunna, minha religião me proíbe de comer churros. Agora, latas de atum são animais perigosos. Elas atacam em cardume, cuidado.

Aninha, tô maneirando porque em Buenos Aires eu nem reservei hotel porque vou morar na jaca. E felizão.

10:13 AM

 
Anonymous Ciça said...

HAHAHAHAHAHAHAHAHA...MTO BOM!!!
Tá vendo, é por essas e outras que eu não cozinho e não como frango...hahahaha
Beijooo

PS.: Eu menti! Não cozinho pq não sei e não como frango pq é ruim mesmo...

10:43 AM

 
Blogger ANNA said...

Tb sou da espécie Homosapiensrecemcasada (quase 1 ano depois ainda posso me dizer recém casada?)e tenho sofrido com a falta de prática e criatividade na cozinha.
Lógico que eu tenho um GFG, e adoro!
Mas é lógico que sempre que eu chego em casa a noite e vou preparar alguma carne ela sempre está congelada e aí tenho que usar a força, o microondas, água fervendo, etc para fazer o árduo trabalho de descongelar tudo. Mas pelo menos eu já aprendi a chegar do açougue e congelar as carnes somente depois de tudo separadinho em pacotes individuais suficientes para uma refeição.
A gente vai aprendendo...
Beijo
(urb)Anna

12:39 PM

 
Blogger MH said...

Eu sempre preferi alimentos que brigam pela vida.
Nunca gostei muito de alimentos que tremem diante de minha presença. Não preciso nem dizer que detesto gelatina.

1:02 PM

 
Blogger Gastón said...

Ciça, nem um miojinho? Uma sarchicha? Um pacote de Doritos? Pô, esse eu sei preparar.

É Anna, eu sou mirim mesmo. Mas e quando a gente separa tudo e embala em filme de PVC e o filme gruda no bife? Saco viu...

MH, hahahahahahahahah, muito boa. Cara, experimenta comer um polvo vivo que nem os chineses. Ele gruda na sua cara enquanto vc tenta engolir. Deve ser uma delícia.

1:09 PM

 
Anonymous Ciça said...

Sei fazer macarrão com molho pronto, hot dog e miojo...só!
Aliás, meu miojo é animal! Eu deixo ele uns 15 minutos no fogo baixo até ficar beeeem empapado, depois tiro a água e coloco catupiry, mussarela, requeijão e, se tiver em casa, um pouco de molho branco e um pouco de molho vermelho (tudo de caixinha, claro!) aí eu misturo tudo, jogo no prato e encho de queijo ralado Faixa Azul! Um espetáculo!!!

3:00 PM

 
Blogger mc said...

rânei, passei pela mesma coisa outro dia com um saquinho de seleta de legumes congelado. Tentei bater, martelar, botar na água... e o jeito (e a pressa) foi mesmo fazer o pacote inteiro.

Mas tudo bem, Selmão ia fazer faxina no dia seguinte e tratou logo de dar um fim nos meus legumes.

4:57 PM

 
Blogger Gastón said...

Ciça, você é jovem de mais pra tentar o suicídio assim. A vida vale a pena Cicinha, não faz isso não. Pô, o que será do meu blog sem seus comentários?

É Rânei, se fosse de quinta pra sexta fácil, fácil que a Jô matava os outros 3 pedaços de Frango. Congelados mesmo.

5:04 PM

 
Blogger Keep walking said...

ahahahahaha, sensacional
gasta, o temor dos frangos!

10:12 PM

 
Blogger Celeste Garcia said...

AHUAHAUHAUAHAU

Até que eu me viro na cozinha, mas quando se trate de carne... não tenho um Georginho pra me salvar :P

E lidar com frigideira também é aterrador haha

10:33 PM

 
Blogger ANNA said...

Essa cena deve ter sido impagavel!!

Eu ja tentei soltar um paralelepipedo de pao de queijo, e com a ajuda da faca, consegui cortar minha mao, mas nada dos paezinhos se desgrudarem! A pressa eh inimiga dos congelados...

11:36 PM

 
Blogger Gastón said...

Keep, não tem pra ninguém ;0)

Celeste, compre um George Foreman Grill e sua vida vai mudar. Já compra junto um pacote de queijo coalho, joga lá e depois me fala da experiência.

Anna, foi digno de lástima. A pressa é inimiga dos congelados é a frase. Vou por na minha geladeira :0)

8:57 AM

 
Anonymous Michel said...

Eu assaria os quatro pedaços grudados e comeria tudo só de raiva.

8:02 PM

 
Blogger Paulo Pimenta said...

AHuhauahuhua - gostei do seu blog - se texto é muito bom! Abraço!

11:27 AM

 
Blogger Gastón said...

Michel, overdose de frango meu amigo? Se eu enjoar de frango to ferrado.

Paulo, legal que você curtiu. Seja bem-vindo sempre :0)

1:24 PM

 

Postar um comentário

<< Home

 
web site hit counter